A todos vocês, amigos leitores deste blog, por vezes muito numerosos, os meus votos de um feliz e santo ano novo! E mais particularmente para vocês que militam em nossos movimentos pela defesa da identidade francesa e pelo cristianismo, meus votos de muita força, caráter e espírito de luta.

Que vocês tenham a energia necessária para abrir os olhos dos nossos compatriotas para a futilidade das promessas macronianas do “custe o que custar”, espalhadas por todo o lado, criando um vazio abissal nas finanças públicas e arruinando interesses privados.

Que vocês se mobilizem, cada vez mais, nas marchas pelo respeito à vida inocente, contra a cultura da morte que produz o aborto e a eutanásia.

Que vocês possam reunir cada vez mais franceses para apoiar e ampliar as ações da AGRIF [Aliança Geral Contra o Racismo e pelo Respeito da Identidade Francesa e Cristã] diante do racismo antifrancês e anticristão; e, também, contra “este antirracismo que é apenas racismo na direção oposta”, diante de um islamismo conquistador.

Que o ideal da solidariedade cristã possa ser efetivamente revivido tanto na Ucrânia quanto na Armênia, apesar das mesmas ameaças de consumação genocida; e que os católicos da China, abandonados pelo Vaticano, sejam libertados do esmagamento totalitário.

Este mundo será, em grande parte, aquele que construirmos (ou evitarmos destruir); ou o que salvaremos de todas as desconstruções “woke” e LGBT.

Pôr o coração no que fazemos: é o que devemos nos desejar mutuamente!

Feliz Ano 2023!

http://www.bernard-antony.com/2023/01/nos-vux-pour-vous-pour-la-france-pour.html

Publicidade