Três vezes, no Salmo de hoje, soltamos um grito de vitória: “Eterna é a sua misericórdia!”

Verdadeiramente, já conhecemos o amor eterno de Deus, que veio a nós como nosso Salvador. Pelo sangue e água que fluíram do lado perfurado de Jesus (v. João 19:34), fomos feitos filhos de Deus, como ouvimos na Epístola de hoje.

Até agora, ainda não encontramos pessoalmente Jesus, nunca O ouvimos ensinar, nem O vimos ressuscitado dos mortos. Sua Palavra salvadora chegou até nós através da Igreja, por meio do ministério dos apóstolos, que no Evangelho de hoje são por Ele enviados, tal como Ele um dia também foi enviado pelo Pai.

Jesus foi feito Espírito vivificante (v. 1 Coríntios 15:45) e cumulou Seus apóstolos com esse Espírito. Como ouvimos na Primeira Leitura de hoje, eles deram testemunho de sua ressurreição com grande poder. E, por meio de seu testemunho, transmitido na Igreja ao longo dos séculos, seus ensinamentos e tradições chegaram até nós (v. Atos 2:42).

Hoje, nós O encontramos tal como os apóstolos o fizeram: ao partir o pão no dia do Senhor (ver Atos 20: 7; 1 Coríntios 16: 2; Apocalipse 1:10).

Há algo de litúrgico na maneira como as cenas do Evangelho de hoje se desdobram. É como se João estivesse tentando nos mostrar como o Senhor ressuscitado vem até nós, por intermédio da liturgia e dos sacramentos.

Em ambas as cenas é noite de domingo. As portas estão bem trancadas, mas Jesus entra misteriosamente e os saúda com uma expressão (“A paz esteja convosco”), que já tinha sido utilizada outras vezes por mensageiros divinos (ver Daniel 10:19; Juízes 6:23). Mostra-lhes sinais de Sua verdadeira presença corporal. E, em ambas as noites, os discípulos respondem alegremente, acolhendo Jesus como seu Senhor.

Não é isso o que ocorre na Missa, quando nosso Senhor nos fala com Sua Palavra e se oferece a nós através do sacramento de Seu corpo e Seu sangue?

Aproximemo-nos do altar com alegria, sabendo que cada Eucaristia é o dia que o Senhor fez para nós, quando a vitória da Páscoa se torna novamente esplendorosa diante de nossos olhos.

https://stpaulcenter.com/audio/sunday-bible-reflections/the-day-the-lord-made-scott-hahn-reflects-on-divine-mercy-sunday/